Autismo Leve Sintomas

O Autismo Leve Sintomas pode ser diagnosticado em qualquer fase da vida e não tem cura, mas geralmente é diagnosticado na infância quando a criança possui algumas características do autismo que podem ser observadas por familiares ou professores.

Por exemplo:

Os primeiros sintomas de autismo leve podem ser observados quando a criança, entre 3 e 5 anos de idade, já apresenta dificuldades em relacionamento, fala e interação com outros.

 

Sintomas e características do Autismo Leve

 

Os sintomas e características do autismo leve podem abranger uma dessas 3 áreas:

Problemas na comunicação, como não poder falar corretamente, usar palavras, não poder se expressar usando palavras;

Dificuldade em socializar, como dificuldade em ter amigos, iniciar ou manter uma conversa, olhando nos olhos;

Mudanças de comportamento, como padrões repetitivos de movimentos e fixação por objetos são sintomas de Autismo Leve Sintomas.

 

Autismo Leve Sintomas

 

Como identificar o Autismo Leve Sintomas 

 

Algumas características do autismo que podem ajudar com seu diagnóstico são:

Relacionamento interpessoal afetado;

Risada inapropriada;

Não olhe para os olhos;

Frieza emocional;

Poucas manifestações de dor;

Gostaria de jogar sempre com o mesmo brinquedo ou objeto;

Dificuldade em se concentrar em uma tarefa simples e concretizá-la;

Ele prefere estar sozinho do que brincar com outras crianças;

Aparentemente, não tem medo de situações perigosas;

Continua repetindo palavras ou frases em locais inapropriados;

Ele não responde quando chamado pelo nome como se ele fosse surdo;

 

Autismo Leve Sintomas

 

 

Acesso à raiva;

Dificuldade em expressar seus sentimentos com fala ou gestos.

Os autistas leves são geralmente muito inteligentes e extremamente sensíveis a mudanças inesperadas. O diagnóstico de autismo leve pode ser feito pelo psiquiatra em qualquer estágio da vida do indivíduo, mas geralmente ocorre na infância.

O autismo?

Alguns testes para Você diagnosticar o Autismo?

 

Seu filho gosta de brincar, saltar no seu colo e desfrutar de estar perto de adultos e outras crianças?

Sim

Não

A criança parece ter alguma fixação em alguma peça do brinquedo, como apenas a roda do carrinho e olha fixamente

Sim

Não

A criança gosta de brincar de esconde-esconde, mas ri enquanto joga e procura outra pessoa?

Sim

Não

A criança usa a imaginação em jogo? Por exemplo: fingindo estar cozinhando e comendo alimentos imaginários?

Sim

Não

A criança leva a mão do adulto diretamente ao objeto que eles desejam em vez de levá-la com as próprias mãos?

Sim

Não

A criança não parece usar corretamente o brinquedo e apenas coloca um em cima da outra, o balançando?

Sim

Não

A criança gosta de mostrar-lhe os objetos trazendo-os para você?

Sim

Não

A criança olha nos seus olhos quando fala com ela?

Sim

Não

A criança sabe como identificar pessoas ou objetos? Por exemplo. Se alguém pergunta onde mamãe é, ela sabe como apontar para ela?

Sim

Não

A criança continua repetindo o mesmo movimento várias vezes seguidas, como se estivesse se movendo de um lado para o outro e mexendo o braço?

Sim

Não

A criança gosta de carinho ou o carinho que pode ser demonstrada por beijos e abraços?

Sim

Não

A criança não tem coordenação motora, caminha apenas na ponta dos pés ou é facilmente desequilibrada?

Sim

Não

A criança fica muito agitada quando ouve música ou está em um ambiente desconhecido, como uma bar lotado, por exemplo

Sim

Não

A criança gosta de se machucar com arranhões ou mordidas fazendo isso de propósito?

Sim

Não

Dependendo das respostas sobre o tema, você vai chegar a uma conclusão pela maioria esmagadora do Sim ou Não.

 

 

O Autismo Leve tem Cura

 

O que fazer se suspeitar de Autismo Leve

 

Em casos de suspeita de Autismo Leve Sintomas, fale com um psicólogo ou leve a criança ao pediatra para testes para auxiliar no diagnóstico.

O comportamento da criança deve ser avaliado pelos membros da família e também pela escola.

Às vezes, o autismo leva meses para ser diagnosticado porque é comum achar que a criança não possui educação ou faz birras porque suas características não são tão claras quanto no autismo.

 

O Autismo Leve tem Cura?

 

A maioria das vezes o autismo leve não tem cura, o que acontece é que com o tratamento de estimulação, terapia da fala, terapia ocupacional, psicologia, educação adequada e especializada, o autista consegue alcançar um desenvolvimento mais próximo do normal.

No entanto, há relatos de casos de pacientes que foram diagnosticados com autismo antes dos 5 anos de idade, que parecem ter conseguido a cura através do tratamento com um equino.

Espero ter esclarecido e tirado dúvidas de quem estava indesivo a respeito do Autismo Leve Sintomas.

Compartilhe este: